Facebook Instagram Google+ Twitter Youtube
SUSTENTABILIDADE
Parceria Público-Privada entre o Governo do Estado da Bahia, a OAS e a Odebrecht, a Itaipava Arena Fonte Nova reúne iniciativas sustentáveis incorporadas desde a demolição do antigo estádio até a construçáo da nova arena, passando por ações que no dia a dia contribuem para uma operação socialmente e economicamente viável e também mais inteligente na utilização de recursos naturais.
RESPONSABILIDADE SOCIAL
Desde sua fase de construção, ações sociais foram realizadas, como parte das ações de responsabilidade social do equipamento. Parte do concreto implodido da antiga estrutura, por exemplo, foi destinada à doação. Pequenos pedaços viraram souvenir, posteriormente vendidos - cuja renda foi totalmente revertida para as Obras Sociais de Irmã Dulce, que beneficia mais de quatro milhões de pessoas por ano na Bahia. Uniformes descartados também serviram de matéria-prima para a confecção de sacolas ecológicas, aventais, roupas e jogos americanos no Projeto Axé, que em 24 anos de trabalho já retirou 15 mil crianças e adolescentes das ruas do Centro Histórico de Salvador.
Localizada no coração da capital baiana, a Itaipava Arena Fonte Nova representa uma nova fonte de desenvolvimento econômico e de geração de renda para a cidade.
Localizada no coração da capital baiana,
a Itaipava Arena Fonte Nova
representa uma nova fonte de
desenvolvimento econômico
e de geração de renda para a cidade.
Projetos sociais também foram implantados desde 2010, com atividades de capacitação profissional de residentes nas comunidades do entorno
Projetos sociais também foram implantados desde 2010, com atividades de capacitação profissional de residentes nas comunidades do entorno, de inclusão digital e de reinserção no mercado de trabalho de detentos e moradores de rua. Na fase de operação, convênios e apoios já foram realizados a fim de beneficiar estudantes de escolas públicas e instituições filantrópicas, tanto nos jogos, quanto no Tour 100%.
Política Ambiental

“A Arena Fonte Nova reitera compromisso com o cuidado ao meio ambiente através dos termos da Política Ambiental.”

Setembro Dourado
Crianças do GACC e Santa Casa de Misericórdia entraram com os jogadores do Bahia no último sábado, dia 19, no jogo entre Bahia e Sampaio Corrêa. A intenção dessa iniciativa foi sensibilizar a população no combate ao câncer infanto-juvenil, principal causa de morte entre crianças brasileiras de 1 a 18 anos.

Simbolizada pela cor amarelo dourado, a campanha desenvolvida pelo GACC chama a atenção dos pais e médicos para sinais comuns da doença que podem passar despercebidos, como febre sem causa aparente, manchas no olho (olho de gato) e corpo, vômito, diarreia por tempo prolongado, além de quedas frequentes ou perda de peso.

Além da entrada das crianças em campo, foi feita divulgação nos telões, redes sociais e distribuição de panfletos para todos os torcedores.
Natal Sem Fome
O lançamento da campanha de 20 anos do Natal sem Fome foi realizado em 2013 na Itaipava Arena Fonte Nova e o apoio ao projeto não se restringiu apenas ao local para realização da cerimônia. A arena, representada pelo presidente Marcos Lessa, doou uma tonelada de alimentos não perecíveis à campanha fundada pelo sociólogo Herbert de Souza – o Betinho, através da Ação da Cidadania Contra a Fome, a Miséria e Pela Vida. Além disso, a arena foi, pela primeira vez, ponto de arrecadação do projeto durante a última partida do ano, entre Bahia e Fluminense. Ao todo, foram doadas mais de uma tonelada e meia de alimentos não perecíveis, entregues diretamente a Raimundo Bandeira, coordenador executivo do Comitê de Salvador da Ação da Cidadania.

Durante a coletiva de imprensa de lançamento do projeto, ainda estiveram presentes em apoio à campanha o E. C. Bahia, representado pelo presidente Fernando Schmidt e pelo jogador Feijão, o Secretário Municipal, Mauricio Trindade, representando a Prefeitura de Salvador; Mariana Pimentel, pela Osid; Dom abade, do Mosteiro de São Bento; o músico Armandinho Macêdo e o artista plástico Menelaw Sette. No evento, foram apresentados alguns números da campanha durante os 20 anos de atuação. Neste período, mais de 40 mil toneladas de alimentos foram distribuídas, totalizando mais de quatro milhões de cestas básicas e atendendo mais de 20 milhões de pessoas em todo país.

Na Bahia, nos 10 anos de atuação local, 1.200 toneladas de alimentos não perecíveis foram arrecadadas pelo Natal Sem Fome, beneficiando cerca de 120 mil famílias, atendendo aproximadamente 600 mil pessoas abaixo da linha de pobreza no estado. Os alimentos arrecadados são doados para algumas das principais entidades beneficentes de Salvador, como associações de moradores, igrejas católicas e evangélicas, creches, asilos, centros espíritas e terreiros de candomblé. Entre elas, se destacam: Irmã Dulce, Mansão do Caminho, Martagão Gesteira, Aristildes Maltez, Cidade da Luz, GACC, Mãe Stela e Cantuá.
Outubro Rosa
A Itaipava Arena Fonte Nova apoiou a campanha Outubro Rosa e foi palco do lançamento do projeto em 2013, cerimônia que contou com a presença de autoridades como a Secretária de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza, Moema Gramacho, a chefe de Gabinete da Secretaria de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte da Bahia (Setre), Olívia Santana, a primeira dama da Bahia Fátima Mendonça, as cantoras Ana Mametto, que foi madrinha da campanha, Margareth Menezes e Carla Visi, além da imprensa e empresas parceiras do projeto que tem como objetivo alertar a sociedade sobre a prevenção e importância do diagnóstico precoce e do seu tratamento.

No encerramento, uma partida de 15 minutos entre os times femininos (titular e reserva) da Seleção de São Francisco do Conde, foi realizada com apoio da Federação Baiana de Futebol (FBF). A equipe é 1º lugar no ranking do futebol nacional feminino e tem representantes que atuam e já atuaram na Seleção Brasileira. Marcos Lessa, presidente da Itaipava Arena Fonte Nova, também esteve presente e garantiu a iluminação monumental do equipamento na cor rosa em homenagem à campanha. Em todos os jogos do mês de outubro, faixas do projeto também estiveram em campo para conscientizar os torcedores. Também foram realizadas ações internas, como divulgação da campanha de prevenção nas redes sociais e nos telões da arena antes e nos intervalos das partidas.
Novembro Azul
Se Outubro é o mês oficial da luta contra o câncer de mama em todo o Brasil, Novembro é o período de lembrar aos homens sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata: é o Novembro Azul. Em 2013, a Itaipava Arena Fonte Nova apoiou esta campanha com a iluminação monumental em azul durante todo mês.

A próstata é uma glândula localizada abaixo da bexiga e na frente do intestino dos homens. Ela é responsável pela produção de 1/3 do sêmen. O câncer acontece quando há uma multiplicação anormal das células da próstata. Se não for descoberto logo no início, essas células podem se espalhar para outros órgãos. Para evitar essa disseminação, é importante o diagnóstico precoce. Para alertar os homens sobre estas informações, diversas ações foram realizadas durante as partidas de futebol em novembro na Itaipava Arena Fonte Nova, em parceria com o Instituto Lado a Lado pela Vida, que desde 2010 busca promover uma mudança de paradigmas em relação à ida do homem ao especialista e à realização do exame de toque, com a campanha “Um Toque, Um Drible”. Os telões da arena transmitiram vídeos antes e durante os intervalos dos jogos, com mensagens sobre o diagnóstico precoce. A entrada da faixa da campanha no gramado, a distribuição de panfletos aos torcedores e a divulgação de informações e alertas nas redes sociais foram outras ações de apoio a prevenção do câncer de próstata realizadas pela Itaipava Arena Fonte Nova.
Setembro Vermelho
Em 2014, além do Outubro Rosa e do Novembro Azul, a Itaipava Arena Fonte Nova também apoia a campanha Setembro Vermelho (Combate a Doenças Cardiovasculares). A iluminação monumental da arena com a cor do projeto; divulgação no telão e nas redes sociais; além da distribuição de panfleto e entrada com a faixa da campanha no gramado, serão algumas das ações este ano.
Estudante na Arena é Show
No seu primeiro ano de operação, a Itaipava Arena Fonte Nova firmou um convênio com a Secretaria de Educação do Estado da Bahia para levar gratuitamente 90 pessoas, entre alunos de escolas públicas, pais e professores, a cada jogo do Campeonato Brasileiro, realizados no fim de semana. A parceria, intitulada Estudante na Arena é Show de Bola, visa a aproximá-los do mais novo equipamento multiuso da Bahia, proporcionando acesso ao esporte e ao lazer. A cada jogo, 40 alunos, 40 pais ou acompanhantes e 10 professores têm a oportunidade de ir às partidas e apoiar seu time.
Gratuidade no Tour 100%
Uma das atrações da Itaipava Arena Fonte Nova é o Tour 100%, visita guiada pelas principais áreas da arena, como vestiários, camarotes, mirante e gramado, custando R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Para que todos os públicos tivessem acesso a este serviço, a Itaipava Arena Fonte Nova dedicou um dia da semana (todas as terças-feiras) para escolas públicas e entidades filantrópicas que, através de marcações prévias, não pagam a entrada para participar do programa de visitação. Das mais de 18 mil pessoas que visitaram a arena através do Tour 100% até setembro de 2014, aproximadamente quatro mil foram contempladas pelo programa de gratuidade a instituições públicas.
Sustentabilidade Ambiental
Durante a fase de obras, 100% do concreto do estádio implodido (cerca de 80 mil toneladas) foi reaproveitado no próprio canteiro, em atividades como pavimentação e acessos, além de ter sido encaminhado a outras obras realizadas em Salvador. Foi realizado ainda um programa de reutilização de papel, canos de PVC e reciclagem de óleo de cozinha, materiais que, se descartados, prejudicariam o meio ambiente. O novo equipamento atende ao Programa Green Goal da FIFA e apresenta, dentre as principais medidas, o aproveitamento da água da chuva, com coleta a partir da cobertura. Até o tipo de estrutura escolhida e utilizada na cobertura reduziu o consumo de aço entre 30% e 40%. A não utilização de fluidos refrigerantes (que agridem a camada de ozônio) nos sistemas de refrigeração e a instalação de brises nas fachadas permitem ainda o aproveitamento da ventilação e a iluminação natural.

O consumo de energia elétrica da Itaipava Arena Fonte Nova também é otimizado em comparação a uma instalação padrão industrial. Neste novo equipamento, foram instaladas lâmpadas com maior eficiência e durabilidade, do tipo T-5 de 25W, o que resulta numa economia de 35% de energia. Fazendo a utilização de reatores eletrônicos, em vez de reatores eletromagnéticos, se consegue ainda uma economia garantida da ordem de 30%. Podemos então considerar uma redução total de aproximadamente 32,5%, utilizando-se lâmpadas T-5 de 25W e reatores eletrônicos, comparado a um sistema tradicional (T-10 de 40W) com reatores eletromagnéticos. Os projetores da iluminação do campo também têm eficiência energética de ponta. Além disso, a Itaipava Arena Fonte Nova utiliza elevadores verdes, que proporcionam uma economia de 50% na energia.

Também foi estabelecida e oficializada a política ambiental do equipamento e instalados os coletores de material reciclado que, após o evento, é destinado à Central de Resíduos e posteriormente doados à Cooperbrava - Cooperativa dos Recicladores da Unidade Canabrava, beneficiando mais de 50 famílias e reduzindo o impacto ao meio ambiente.

Reciclagem de Resíduos
A inauguração da Itaipava Arena Fonte Nova, em abril de 2013, também marcou o início de uma sólida parceria com a Cooperbrava – Cooperativa dos Recicladores da Unidade Canabrava. Todo material reciclável que é recolhido após jogos e eventos são doados para o projeto. De acordo com o Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos da arena, até agosto de 2014, 24 mil quilos de material já foram destinados aos cooperados. A renda obtida, que supera os R$ 34 mil, reflete na principal fonte do projeto para sustento das 58 famílias beneficiadas.
v Após cada evento (esportivo e não esportivo), a equipe de limpeza da arena faz uma pré-seleção dos resíduos gerados, separando o que é reciclável e encaminhando à Central de Resíduos da própria arena. Lá, os cooperados fazem a separação por tipo de material em bags e realizam a pesagem. Em seguida, abastecem o caminhão da cooperativa para a venda dos resíduos à industria. Entre os materiais doados pela arena à Cooperbrava, estão metal e alumínio, papel e papelão, além de garrafas PET e plásticos em geral.

“Se pensarmos que a Cooperativa foi criada para atender aos antigos Catadores que viviam dentro do aterro sanitário, podemos afirmar que, sem as doações, este projeto talvez não conseguisse alcançar seus os objetivos. Em particular a parceria com a Arena é de suma importância, pois, além do material doado, que é de boa qualidade e aceitação no mercado, eles ainda nos fornecem uma ajuda de custo para as despesas operacionais”, afirma Antônio César, técnico em gestão da Cooperbrava. Em média, por mês, são doados 1500 quilos de resíduos, que geram uma receita mensal de aproximadamente R$2500. A expectativa é que a arrecadação geral seja ainda maior nos próximos anos, já que não teremos meses sem coleta, referentes à entrega do equipamento para a Copa das Confederações e Copa do Mundo.

Com tudo isso, além da vantagem social, já que esta renda é totalmente destinada aos cooperados, também é gerada uma economia ambiental, pois a reciclagem permite que recursos naturais sejam poupados, que não sejam produzidos gases que colaboram para o efeito estufa e ainda a utilização de apenas 10% em energia do que seria gasto, caso o material precisasse ser fabricado novamente (sem reciclagem).
Quer conhecer os bastidores da Itaipava Arena Fonte Nova?
Agende já sua visita pelo e-mail tour@arenafontenova.com.br
ou pelo telefone: 71 3320.2191. Esperamos por você!
Facebook Instagram Google+ Twitter Youtube
Cadastre-se e Receba Newsletter
Receba em primeira mão novidades e promoções da Itaipava Arena Fonte nova em seu e-mail e celular.
 
2015 - 2016. Itaipava Arena Fonte Nova. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo | Agência Digital em Salvador